Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Casamento em Campina Grande é realizado por videoconferência


Segunda-feira, 27 de abril de 2020.

Segundo o Tribunal de Justiça da Paraíba, casal se conheceu pela internet e comprovou urgência para oficializar a união civil.

Josilene Oliveira dos Santos e Jorge Freire de Lima se casaram no último dia 13 de abril por meio de videoconferência. A cerimônia de casamento civil foi oficializada pela juíza Ivna Mozart Bezerra Soares, do 3° Juizado Auxiliar Cível da 2ª Circunscrição, que está respondendo pela Vara de Feitos Especiais da Comarca de Campina Grande.

A magistrada, seguindo orientações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e da Corregedoria-Geral de Justiça no enfrentamento à Covid-19, fez o evento, tendo em vista a situação de emergência comprovoda pelo casal.

A juíza Ivna Mozart informou que todos os cuidados foram tomados, celebrando o casamento por videoconferência em sua residência. Já os noivos estavam no Cartório, que segue funcionando, com horário reduzido, dando preferência ao teletrabalho, como determinam as autoridades de saúde, e ficaram em salas diferentes das testemunhas e dos funcionários, a fim de evitar aglomeração.

“Quando um casal resolve unir em matrimônio, presume-se que, apesar de tudo isso que está acontecendo, as pessoas têm uma perspectiva de futuro e acreditam que tudo isso vai passar e eles vão poder ter uma vida em comum”, ressaltou a magistrada, lamentando o fato dos noivos não poderem comemorar com amigos e familiares, e por outro lado, destacando a felicidade em poder trazer o Poder Judiciário estadual para perto do jurisdicionado, por meio da tecnologia.

Para Josilene Oliveira, que conheceu Jorge Freire, que é do Rio de Janeiro, através da internet, o casamento por videoconferência foi uma experiência diferente e marcante. Ela explicou a dificuldade que o marido enfrentou para chegar até Campina Grande, tendo que ficar por dois dias entre os aeroportos do Rio, São Paulo e Recife, para, enfim, chegar de carro ao destino.

“Ela [a juíza] teve uma consideração muito especial com o nosso caso, possibilitando a realização, dessa forma, do meu casamento. Eu agradeço muito à juíza e as demais pessoas do cartório, que também nos ajudaram e apoiaram em tudo”, destacou Josilene.


G1 PB
Foto reprodução G1 PB

    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário