Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Secretarias de saúde e de assistência social de Soledade promovem ação com gestantes


 Segunda feira, 08 de julho de 2019

Atuando sempre para garantir a implementação de uma política de assistência social que atenda, realmente, aos interesses daqueles que estão em situação de risco social, a Secretaria de Trabalho e Assistência Social de Soledade – SETAS, através do Centro de Referência e Assistência Social (CRAS), realizou em parceria com a secretaria de Saúde, nesta segunda-feira (08), mais um encontro com as gestantes atendidas peolo município.

A reunião, que aconteceu no próprio CRAS, trouxe a equipe da Policlínica de Soledade para falar sobre a importância do teste do pezinho e das vacinas para cerca de 35 gestantes. A secretária do Trabalho e de Assistência Social, Janaína Barros, afirmou que, além dessa ação, que acontece a cada 15 dias com diferentes temáticas, em breve a população também terá outras novidades. “Hoje, estivemos reunidos com a equipe do Senai para fechar parcerias e teremos muitas novidades”, destacou a secretária.

De acordo com Janaína, o CRAS possui um programa em que duas vezes no mês as gestantes se reúnem no local para receber informações ou mesmo participar de oficinas e, no final da gestação, elas ganham um kit com 15 itens para o enxoval do bebê. Desta vez, uma equipe formada por enfermeira, técnica de enfermagem e a diretoria da Policlínica de Soledade, estiveram no CRAS para orientar as gestantes sobre o teste do Pezinho e as vacinas de seus bebês.

Vale lembrar que o Teste do Pezinho é um exame feito a partir de sangue coletado do calcanhar do bebê. Ele permite identificar e impedir o desenvolvimento de doenças genéticas ou metabólicas que podem desencadear deficiência cognitiva e comprometer a qualidade de vida da criança.

Já em relação às vacinas, é importante tanto para a gestante quanto para o bebê depois que ele nasce. Muitas gestantes, quando descobrem a gravidez, param de tomar vacinas. A falta de informação costuma provocar esse equívoco. Com a vacinação, a mulher pode se proteger de várias doenças que poderão levar a óbito, tanto mãe, quanto bebê. Os benefícios, nesse caso, são duplos. E, após o nascimento do bebê, este também deve receber todas as vacinas necessárias para se beneficiar com anticorpos para que possa resistir a infecções por consequência da baixa resistência do sistema imunológico.

“Justamente para informar a todas sobre a necessidade de manter esses e outros cuidados que mantemos esse encontro quinzenal, em parceria com a Secretaria de Saúde. Neles, as gestantes têm acesso às informações e também trocam experiências umas com as outras. É um momento também de interação, inclusão social dessas futuras mães”, comentou a secretária Janaína Barros.

A secretária de Saúde, Larissa Moura Ramos, lembra que esses encontros mensais fazem parte das ações da Secretaria e este último foi alusivo ao Dia Mundial da BCG e da prevenção das Hepatites Virais, além da importância do Teste do Pezinho. “Essa ação com as gestantes é uma parceria das duas secretarias que buscam orientar melhor as gestantes sobre assuntos que fazem a diferença para que elas tenham uma gravidez mais saudável”, reitera Larissa.





ASCOM
Fotos reprodução ASCOM

    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário