Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Com saída de médicos cubanos cinco municípios da PB ficam sem nenhum médico na atenção básica


Quinta feira, 22 de novembro de 2018

O Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems) divulgou que  pelo menos 285 cidades em 19 estados do Brasil devem ficar sem médicos dedicados à atenção básica após a saída dos cubanos inscritos no programa ‘Mais Médicos’. Na Paraíba, conforme a entidade, cinco cidades deverão ficar sem nenhum profissional. O relatório foi publicado nesta quinta-feira (22) pelo G1, o portal de notícias da Rede Globo.

De acordo com o relatório, as cidades de Amparo, Carrapateira, Frei Martinho, Joca Claudinho e Serra Grande deverão ser as cidades mais afetadas da Paraíba, já que os profissionais cubanos são os únicos médicos a trabalharem nessas cidades.

A atenção básica é considerada a porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS), e abrange os processos de diagnóstico, prevenção, tratamento, reabilitação, redução de danos, manutenção da saúde etc. De acordo com a Conasems, o número de cidades sem médico ainda pode crescer em todo o país.

Seleção de novos médicos

Conforme o Portal Polêmica Paraíba já noticiou, o Governo Federal iniciou o processo de seleção para substituir os médicos cubanos que estão deixando o Brasil. De acordo com o Ministério da Saúde, o programa recebeu mais de 6.000 inscritos até a manhã desta quinta-feira (22).

Polemica Paraíba
Foto reprodução Polêmica Paraíba

Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 8105 2934
    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário