Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ex-prefeita se torna réu em processo que apura fraudes em prefeitura paraibana



Terça feira, 24 de julho de 2018

A ex-prefeita do município do Conde Tatiana Lundgren Correa de Oliveira e dez ex-auxiliares da prefeitura da cidade paraibana se tornaram réus e tiveram as contas sequestradas após uma determinação do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB). O grupo é acusado de desvio e apropriação de dinheiro público, lavagem de dinheiro, corrupção e fraudes praticadas contra o erário da cidade.

Na decisão, proferida pela juíza Daniere Ferreira de Souza, também há a determinação da citação dos acusados para responderem, por escrito, à acusação, em um prazo de dez dias.

No último dia 30 de maio, Tatiana Correa teve a prisão preventiva convertida em medidas cautelares e foi solta. Ela estava presa desde o dia 6 de março. Foi imposta à ex-prefeita a proibição de se ausentar da comarca sem prévia comunicação, o recolhimento domiciliar no período noturno e a doação de cinco cadeiras odontológicas.

A ex-prefeita havia sido presa durante uma operação conjunta do Ministério Público da Paraíba (MPPB), Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco) e Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE).

As investigações começaram em 2015 para apurar denúncias de tráfico de drogas no Litoral Sul da Paraíba. Conforme o avanço na investigação, foram levantados indícios de um esquema maior, envolvendo a prefeita, secretários municipais e outras pessoas da equipe de Tatiana.

Segundo a investigação do Gaeco, os denunciados promoveram a desapropriação fraudulenta de terras, no valor de R$ 620 mil. Essa quantia retornava em benefício de Tatiana Lundgren e de Francisco Cavalcante, ex-procurador-geral do Conde, por meio da utilização de terceiras pessoas.

Francisco e Andréa Soares da Silva, ex-secretária de finanças da prefeitura, fizeram colaboração premiada e contaram detalhes do funcionamento do suposto esquema. Eles estão entre as pessoas que tiveram as contas sequestradas e se tornaram réus no processo.

G1 PB
Foto reprodução G1 PB

Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 8105 2934
    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário