Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Eleições 2018: PT, PTB e DEM quererem espaços na chapa majoritária do PSB




Sexta feira, 26 de janeiro de 2018

Apesar da indefinição para saber quem são os candidatos que vão disputar a vaga ao Governo do Estado, os partidos - tanto da base aliada do atual gestor, Ricardo Coutinho (PSB), quanto os que compõem o grupo de oposição - já estão ‘brigando’ pela participação na chapa majoritária, para as eleições de outubro. PT, Democratas e PTB já disputam posição de destaque ao lado do PSB. Os oposicionistas ainda estão no impasse para saber que vai participar da disputa.

Os partidos que já decidiram o apoio ao projeto socialista para o pleito já estão dialogando e articulando uma vaga para participar ao lado do pré-candidato do PSB, João Azevedo. O Democrata anunciou durante a semana a possibilidade de lançar o candidato a vice-governador. O secretário da Casa Civil do Estado e presidente estadual do Democratas, Efraim Morais, afirmou que vai se desincompatibilizar de suas funções no Governo do Estado, no mês de abril, e pode ser o nome escolhido para ser o vice de Azevedo.

A possibilidade do DEM ser prestigiado no pleito causou confusão com o PT, aliado do grupo. As declarações de Efraim Morais sobre a composição pode afetar a coligação socialista com o PT, segundo o presidente estadual do PT, Jackson Macedo. Ele já alegou que caso a chapa seja oficializada, a união deve ser desfeita e os petistas podem, inclusive, lançar candidatura própria para disputar o Governo do Estado.

Os petistas não aceitam o apoio do Democratas e ainda querem ser beneficiados com uma das vagas ao Senado Federal. O nome escolhido para a disputa é o do deputado federal Luiz Couto. “O PT não deve aceitar a composição com o nome de Efraim Morais como vice-prefeito, na disputa. O PSB constrói aliança com quem bem entender. O Democratas também. Mas, o PT também tem o mesmo direito. Se o Democratas entrar na chapa majoritária com o PSB, dificilmente o PT vai compor essa coligação. Daí vamos sentar e conversar e reavaliar e quem sabe, inclusive, lançar uma candidatura própria”, afirmou o petista.

Outra legenda que já admitiu que vai exigir uma vaga na majoritária é o PTB. O presidente estadual Wilson Santiago afirmou que a legenda também vai discutir com o PSB e os partidos aliados para ocupar um espaço na chapa majoritária. Santiago disse que esse será o principal objetivo do partido. “O PTB também está se estruturando para a chapa proporcional, mas a posição que a gente vai querer é uma vaga na majoritária. Sabemos o tamanho do nosso partido, mas temos consciência de que o debate só vai acontecer mais pra frente”, disse.


Correio da Paraíba
Foto ilustrativa da internet

Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768


    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário