Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vídeo mostra professor agredindo aluno dentro de sala de aula por conta de bola de papel


Domingo, 10 de dezembro de 2017


Situação aconteceu na sala do 6º ano do ensino fundamental de colégio estadual. Segundo a direção da escola, professor era temporário e foi excluído.

m professor foi filmado na sexta-feira (8) agredido um aluno para entregar uma bola de papel no Colégio Estadual Moisés Santana, em Bom Jesus de Goiás, no sul goiano (veja o vídeo acima). O caso aconteceu durante a aula de corpo em movimento na turma do 6º ano do ensino fundamental.

Diretora da escola, Silvia Gleice Paiva Rodrigues Picouto informou ao G1 que o professor era contratado e, após o fato, foi excluído do quadro de funcionários da instituição. Ela explicou que, conforme o relato de testemunhas, ele perdeu o controle ao ser ofendido pelo aluno.

“O aluno estava jogando bolinha de papel e não atendia ao pedido do professor para parar. O professor falou que, se não parasse, ia fazer alguma coisa, quando o aluno teria respondido que não ia obedecer, que o professor ‘não faria nada porque era viado’. Aí foi quando a agressão aconteceu”, relatou.

Silvia disse que o professor tem cerca de 30 anos e começou na escola no começo deste ano, após a assinatura de um contrato temporário. De acordo com a diretora, ele é educador físico e ministrava as aulas de corpo em movimento, que são lecionadas duas vezes por semana.

A responsável pelo colégio explicou ainda que o professor era querido pela maioria dos alunos. Porém, não podia ter tomado uma atitude como a do vídeo.

“É difícil ouvir certas coisas, presenciar alguns comportamentos, mas, infelizmente, tem que aceitar. Embora a situação seja difícil, o adulto era ele, quem tinha que tomar a posição sensata era ele”, avalia a diretora.

Silvia informou que conversou com a família do aluno. “O aluno queria pedir desculpas pelo que fez. Apesar do ato, a família disse não ter perdido a confiança da unidade”, concluiu.

A Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte (Seduce), por meio da Coordenação Regional de Itumbiara, informou em nota que a diretora do Colégio tomou as providencias imediatas. Na segunda-feira (11), a regional encaminhará à Seduce o ofício de exclusão do contrato do professor.

O delegado regional de Itumbiara, Ricardo Torres Chueire, informou que a delegacia de Bom Jesus de Goiás está fechada neste sábado (9). Por isso, não tem como saber se a família procurou a Polícia Civil para registrar a agressão.




G1 GO
Foto reprodução TV Anhanguera

Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768


    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário