Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Açude de Boqueirão chega a 5% e Aesa diz que reservatório sai da situação crítica


Manancial atingiu 20.628.287 m³ de água e entra para lista dos 47 açudes em observação.

O volume do reservatório Epitácio Pessoa, conhecido como açude de Boqueirão, chegou a 5% da capacidade total e, com isso, saiu da situação crítica nesta terça-feira (23), de acordo com os dados da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa). 

Segundo o órgão, o reservatório tem a capacidade máxima de 411.686.287 metros cúbicos e atingiu 20.628.287 metros cúbicos nesta terça, entrando na lista dos 47 no estado que estão em observação, com volume entre 5% e 20% da capacidade total.

Na segunda-feira (22), a Agência Nacional das Águas (ANA) autorizou a retirada de até 1.100 litros de água por segundo do reservatório, após ser constatada a melhora no volume. A medida, no entanto, só pode ser realizada quando o volume ficar acima de 8,2% da capacidade total e sair do volume morto, segundo a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa). Com a transposição do Rio São Francisco, em um mês o açude recebeu uma recarga de mais de 7 milhões de m³ de água.

Segundo a Cagepa, com base nos cálculos feitos pela gerência, a previsão atual é de que Boqueirão atinja o volume de 8,2% até a metade do mês de junho. Entretanto, o gerente regional de abastecimento da Cagepa, Ronaldo Menezes, explica que pode haver mudanças na previsão, dependendo da oscilação ou não da vazão liberada pela transposição, ou ainda pela ocorrência de chuvas, ou o surgimento de recargas através do Rio Taperoá.

Vazão da transposição

Segundo a Aesa, na segunda-feira a vazão de água que chega a Paraíba através da transposição do Rio São Francisco caiu para 5,8 m³ de água por segundo. “Na semana passada estava em 7,8, depois baixou para 6,8 no fim de semana e agora está em 5,8”, disse João Fernandes.

Ainda segundo ele, a queda na vazão foi provocada por um problema técnico na estação elevatória 6 do eixo leste da transposição do Rio São Francisco, que fica na cidade de Sertânia. Ele disse que, segundo o Ministério da Integração Nacional, o problema já foi identificado e deve ser resolvido ainda esta semana.


G1 PB
Foto: Artur Lira / G1/Arquivo



Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. 
Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768

    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário