Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Polícia prende agricultora na PB suspeita de envenenar criança com 'chumbinho'

 

A investigação que resultou na prisão da agricultora Vânia Maria da Silva, 44 anos, moradora do Sítio Cariatá.

A Polícia Civil da Paraíba apresenta na tarde desta terça-feira (11) a investigação que resultou na prisão da agricultora Vânia Maria da Silva, 44 anos, moradora do Sítio Cariatá, em Itabaiana - PB, suspeita de utilizar veneno para assassinar uma mulher, uma adolescente e duas crianças entre dezembro do ano passado e fevereiro deste ano. Uma coletiva de imprensa será realizada às 15h, na Central de Polícia de Campina Grande.

De acordo com o trabalho investigativo, com as vítimas foi utilizado o mesmo modus operandi e todas tiveram contato com a suspeita antes de morrerem, apresentando sintomas como: cegueira, náuseas, vômitos e dificuldade de respiração e equilíbrio, entre outros. Os laudos do Instituto de Polícia Científica (IPC) confirmaram a presença de veneno para ratos, conhecido como chumbinho, em todos os corpos.

Para a Polícia Civil, foram vítimas de Vânia a adolescente Letícia Firmino de Sousa, 12 anos, que passou mal no dia 6 de março de 2017 e morreu dia 10, no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande; Samuel Alexandre da Silva, 6 anos, que faleceu no dia 25 de fevereiro de deste ano no Hospital Público de Itabaiana; Ana Gabriele Evangelista da Silva, 9 anos, que morreu no dia 19 de fevereiro também no hospital de Itabaiana; e Ana Maria Dias, 20 anos, falecida em 10 de dezembro de 2016, em Itabaiana.

A morte das três crianças era considerada misteriosa e levou uma equipe da Secretaria de Saúde até o município.


Click PB
Foto reprodução Click PB



Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768

    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário