Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Município do Seridó paraibano está entre as cidades da PB que foram constatados superfaturamento na merenda escolar

 Resultado de imagem para foram constatados superfaturamento na merenda escolar
Paraíba
Foto ilustrativa da internet


O Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) divulgou o resultado da avaliação do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae).

Na Paraíba foram fiscalizados 14 municípios, sendo que em três deles o órgão constatou irregularidades como superfaturamento e alimentos com data de validade vencida. A escolha das cidades fiscalizadas se deu por sorteio.

Foram alvo da ação os municípios de: Manaíra, Curral de Cima, Umbuzeiro, Queimadas, Santo André, Mamanguape, Caldas Brandão, Cacimba de Dentro, Picuí (Seridó paraibano), Bananeiras, Baía da Traição, Tavares, Imaculada e Riachão do Bacamarte.

O objetivo foi analisar a regularidade no processo de aquisição dos alimentos pelas secretarias de educação nos estados e no Distrito Federal e pelas prefeituras municipais; armazenamento e distribuição dos gêneros alimentícios nas escolas públicas; e a atuação dos profissionais de nutrição, dos representantes das instâncias de controle social e do gestor federal para garantir refeições de qualidade aos estudantes.

Veja as irregularidades constatadas

Curral de Cima (R$2.367,64):

Irregularidade – Aquisição de produtos da agricultura familiar, no exercício de 2011, a preços superiores aos de mercado, além de aquisição de alimentos para a merenda escolar, no exercício de 2010, a preços superiores aos licitados.

Recomendação – Solicitar do gestor municipal o ressarcimento dos pagamentos realizados superiores ao valor contratado.

Bananeiras (R$33.133)

Irregularidade – Inconsistência entre as quantidades informadas nos termos de remessa de gêneros alimentícios para as Escolas e as atestadas nas notas fiscais de aquisição e aquisição de gêneros alimentícios por preços superiores aos registrados no Programa de Aquisição de Alimentos – PAA.

Recomendação – Adotar as medidas administrativas necessárias para o ressarcimento das despesas com produtos adquiridos e não utilizados no fornecimento de alimentação escolar e caso não obtenha êxito, instaurar a tomada de contas especial.

Imaculada (R$ 12.803,66)

Irregularidade – Pagamento a maior, com recursos do Pnae, na aquisição de gêneros alimentícios e alimentos armazenados com prazo de validade expirado.

Recomendação – Adotar as medidas administrativas necessárias ao ressarcimento dos valores relativos a despesas a maior, resultante de aquisições em desacordo com a unidade de medida estipulada no contrato, caso não obtenha êxito, instaurar a tomada de contas especial.


Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768



    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário