Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Empresas são denunciadas por estarem vendendo água como se fosse mineral na PB

 Resultado de imagem para Empresas são denunciadas por estarem vendendo água como se fosse mineral na PB
G1 PB
Foto ilustrativa da internet


Abinam e Sindinam solicitaram audiência pública com o MP-Procon.

Uma denúncia feita por entidades que representam a indústria de água mineral aponta que empresas da Paraíba estariam vendendo água adicionada de sais em garrafões de 20 litros, supostamente tentando se passar por água mineral.

De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Águas Minerais (Abinam) e o Sindicato Nacional da Indústria de Águas Minerais (Sindinam), uma audiência pública para apresentar a denúncia foi solicitada ao Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério Público da Paraíba (MP-Procon).

Segundo o presidente das entidades, Carlos Alberto Lancia, a prática desrespeita regras de fabricação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e também pode estar causando risco à saúde dos consumidores. “O consumidor tem o direito de saber qual categoria de produto que está comprando, se água mineral ou água adicionada de sais. As embalagens das águas adicionadas de sais confundem o consumidor por serem muito parecidas com as de águas minerais”, explica.

De acordo com a Resolução de Diretoria Colegiada (RDC) nº 274, de 2005, da Anvisa, a água mineral é retirada diretamente de fontes naturais ou por extração subterrânea, e a água adicionada de sais é a água comum de torneira, preparada e misturada com sais que podem conter uma série de compostos químicos. A Abinam e o Sindinam explica que a composição das águas é um dos pontos desrespeitados pelas empresas.

Ainda de acordo com a denúncia, as empresas das águas adicionadas de sais também não estão cumprindo as regras de rotulagem e estão sendo vendidas sem especificação clara do produto. “As águas adicionadas de sais não podem utilizar dizeres ou representações gráficas que gerem qualquer semelhança com dizeres correspondentes à identidade das minerais”, comenta Lancia.

Uma norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) de 2013 define que os garrafões retornáveis de 10 e 20 litros são de uso exclusivo das águas minerais e potáveis de mesa, não podendo ser utilizadas pelas águas adicionadas de sais.

Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347- 47




    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário