sábado, 24 de setembro de 2016

Entidades afro-brasileiras protestam após pai de santo apoiar candidato evangélico

 Pai de santo apoia Crivella e desagrada entidades afro-brasileiras
Gospel Prime
Foto reprodução Gospel Prime


Uma imagem do candidato à prefeitura do Rio de Janeiro Marcelo Crivella (PRB) ao lado de um pai de santo durante passeata política, no início de setembro, gerou protestos de entidades religiosas.

Em nota oficial, 13 organizações que defendem e estudam religiões de matriz africana repudiaram o apoio de pais de santo à campanha do bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus. Assinada por pessoas de vários estados, como Maranhão, Acre e Rio, dizem lamentar “a postura do religioso, que resolveu postar-se ao lado do seu algoz”. Também o acusam de “equívoco e má-fé”.

Marcos Rezende, coordenador nacional do Coletivo de Entidades Negras, um dos autores da nota, asseverou: “Quando um pai de santo se junta com fundamentalistas acendemos nosso sinal de alerta. As crenças do bispo e a forma como a Universal se porta vão na contramão das religiões de matriz africana”.

Dentro do “vale tudo” eleitoral, o “Mídia Ninja”, perfil de Facebook que diz fazer jornalismo “independente”, publicou recentemente um antigo vídeo de Crivella dizendo que “os negros gostam de cachaça, prostituição e macumba”.

Contudo, a edição grosseira, que tirava a frase de seu contexto foi condenada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio. Para a justiça, o propósito era prejudicar o candidato. O perfil precisou apagar o vídeo e depois admitiu o erro.

Tentando se desvincular de “candidato da Universal”, igreja fundada por seu tio Edir Macedo, Crivella tem se aproximado de babalorixás e umbandistas. Durante passeata na região de Madureira, caminhou ao lado do pai de santo Douglas de Iansã.

Em um vídeo postado no Facebook semana passada, um jovem identificado como Vinícius Oliveira, declarou: “Sou umbandista, mas a fé é uma coisa e a política é outra”. Afirmou que vota em Crivella.

Compromisso com a liberdade religiosa

No próximo domingo, os candidatos a prefeito do Rio serão convidados a assinar um documento onde se comprometem a garantir a liberdade religiosa na cidade. O encontro acontecerá antes da marcha pela liberdade religiosa na praia.

O babalaô Ivanir dos Santos, da Comissão de Combate à Intolerância Religiosa, já provocou Crivella. “Falar é fácil, vamos ver se o candidato vai assinar a carta-compromisso no domingo”. Também questiona o apoio do pai de santo que declarou apoio a Crivella: 
“Não conheço esse sacerdote. Só posso falar que é estranho ele não ser conhecido por ninguém no nosso meio. Também causa espanto ele estar sempre sozinho, sem os filhos de santo”.

Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode enviar informações para a redação através do WhatsApp (83) 9 9347- 4768




Nenhum comentário:

Postar um comentário