domingo, 10 de abril de 2016

Seridó paraibano: Visitas a presos de cadeia da região estão suspensas por falta de agentes

Heleno Lima
Foto reprodução Heleno Lima


Picuí - PB: Algumas mães que têm filhos presos na Cadeia Pública da capital da carne de sol, mantiveram contato com com a reportagem para denunciarem que não estão conseguindo fazer visitas há duas semanas.

Segundo elas, o diretor da unidade prisional alega que o motivo de não ter a visita se deve ao fato de não existir no local a presença de agente penitenciária do sexo feminino para fazer a revista nas mulheres.

"Faz dois sábados consecutivos que a gente sai daqui de Soledade para Picuí e, quando chegamos lá, não podemos visitar nossos filhos. O motivo alegado pela direção é que não tem agente feminino para revistar as mulheres", afirma uma delas ouvida pelo portal.

Segundo ela, neste sábado (9), por exemplo, havia um grande tumulto em frente a Cadeia de Picuí, no Seridó paraibano, com as mães que vão de longe e não conseguem visitar os filhos ou os maridos que estão presos.

Curta o Facebook AQUI  siga o Twitter AQUI  e o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias da região

"Lá em Picuí, a Cadeia está uma imoralidade. Nós somos de longe e gastamos com passagens, mas não conseguimos ver nossos filhos. Por este motivo, decidi procurar a imprensa para denunciar e que esse nossos apelo chegue ao conhecimento das autoridades", afirma outra mãe.

"Eu perguntei ao diretor: 'vai ter visita?' e ele disse que: 'reze um pai e nosso e uma ave maria e quem sabe?'.  É verdade que eles estão presos porque erraram, mas são seres humanos e merecem respeito e dignidade", desabafa uma mãe.

Nossa equipe de reportagem tentou manter contato com a direção da Cadeia picuiense mas até o momento ainda não conseguimos para ouvirmos o outro lado.






Nenhum comentário:

Postar um comentário