terça-feira, 22 de setembro de 2015

Alunos da Paraíba ocupam 8ª posição no ranking de estados com pior Educação Básica

Blog do Gordinho
Foto reprodução Blog do Gordinho


Quando a avaliação é sobre o desempenho com a leitura, apenas 37.55% dos paraibanos desenvolveram atividades de leitura consideradas adequadas pelo Ministério da Educação.
O levantamento realizado pelo Ministério da Educação dentro do projeto Avaliação Nacional de Alfabetização, ANA, apontou os estados nos quais os alunos que frequentam a 3ª série do ensino fundamental tem os piores desempenhos e, na lista, a Paraíba ocupa 8ª colocação. Os dados foram divulgados na última quinta-feira.

Na prática, 11% das crianças brasileiras terminaram a 3ª série em 2014 sem ao menos saber escrever palavras alfabeticamente – isso significa, por exemplo, que elas ainda escrevem casa com z ou só usam consoantes para formar a palavra.

De acordo com os dados referentes a Paraíba, 60% dos alunos matriculados na 3ª série não conseguem resolver equações simples de Matemática.

Curta a página do Facebook AQUI ou siga o Twitter AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias 

Outro dado alarmante refere-se a capacidade de escrita. Conforme relatório do MEC, 70% dos alunos paraibanos da terceira série ainda não sabem escrever sequer palavras corretamente.

Quando a avaliação é sobre o desempenho com a leitura, apenas 37.55% dos paraibanos desenvolveram atividades de leitura consideradas adequadas pelo Ministério da Educação.
No Brasil, 22% e 24% das crianças da 3ª série estão na mesma situação em Leitura e Matemática.

Aplicada pela primeira vez em 2013, a ANA busca aferir os níveis de alfabetização em Língua Portuguesa e Matemática em estudantes do 3° ano do Ensino Fundamental das escolas públicas.

Os resultados são divididos em níveis de desempenho que podem variar de 1 a 5, dependendo da competência (Leitura, Escrita ou Matemática). Quanto maior o nível, melhor o desempenho do aluno.

No Maranhão, primeiro estado com pior desempenho da relação, quase um quarto dos alunos da terceira série ainda não sabem escrever sequer palavras corretamente. No total, mais de 60% das crianças nessa faixa escolar tiveram um desempenho de escrita muito inferior ao considerado adequado pelo MEC.





Nenhum comentário:

Postar um comentário