sexta-feira, 3 de julho de 2015

TRE pede que prefeituras cedam servidores para recadastramento biométrico

TRE pede que prefeituras cedam servidores para recadastramento biométrico
Parlamento PB
Foto reprodução Parlamento PB



Após reuniões com os prefeitos dos municípios de Bayeux e Santa Rita, ocorridas na manhã desta quinta-feira (02), nos respectivos municípios, o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), na pessoa do seu presidente e do seu vice-presidente, desembargadores João Alves da Silva e José Aurélio da Cruz, firmou parceria de cooperação com aquelas prefeituras para viabilizar o recadastramento de eleitores com coleta de dados biométricos.

As 61ª e 02ª Zonas Eleitorais foram as primeiras visitadas pela comitiva do TRE-PB, composta, além do presidente e vice, pelo diretor-geral, Fábio Siqueira; pelo secretário de tecnologia da informação, George Leite; pelo coordenador de eleições, Fábio Falcão; e pela assessora de comunicação, Viviana Targa.

Durante os encontros foram apresentadas as dificuldades para realizar o recadastramento eleitoral pela Justiça Eleitoral e solicitado o apoio das prefeituras para esse fim, pleiteando-se que fossem disponibilizados servidores; as prefeituras demonstraram intenção de ajudar, colocando-se à disposição da Justiça Eleitoral.

Curta a página do Facebook AQUI ou siga o Twitter AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias.

À tarde, as reuniões aconteceram nas cidades de Jacaraú e Bananeiras, onde também foram celebrados acordos de cooperação  entre o TRE-PB e aquelas prefeituras, com o mesmo objetivo.

O presidente do TRE-PB, desembargador João Alves, confia num resultado positivo: “O sistema biométrico garante a vontade do eleitor, o voto depositado na urna seja aquele do eleitor.   Estou certo de que a Justiça Eleitoral encontrará o apoio necessário para a implantação desse projeto tão importante à sociedade. Avalio como satisfatórias essas reuniões que estamos tendo com os senhores prefeitos, todos ficaram engajados, se comprometeram ajudar, porque a Justiça Eleitoral não tem recursos e só podemos fazer o recadastramento biométrico com a ajuda das prefeituras”.

O prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena Moura de Medeiros, fez o seu recadastramento, na ocasião, e falou sobre a presença do presidente do TRE-PB nas cidades: “É muito importante a presença do representante máximo da Justiça Eleitoral para poder conscientizar a sociedade e chamar a atenção para fato tão significante”.






Nenhum comentário:

Postar um comentário