sábado, 21 de março de 2015

Seridó paraibano: Prefeito emite ordem de despejo da Câmara de Vereadores

Prefeito de Juazerinho emite ordem de despejo da Câmara de Vereadores

A Câmara de Vereadores do Município de Juazeirinho, no Seridó Oriental paribano, a 190 km de João Pessoa - PB, foi intimada na manhã desta sexta-feira (20) para desocupar o prédio sob a ameaça de despejo. O aviso foi dado pelo prefeito Jonilton Fernandes (PSB), através de ofício encaminhado à Mesa Diretora da Casa. Jonilton ainda estipulou um prazo de 60 dias para o prédio que pertencente a Prefeitura seja desocupado.

O prefeito alegou que a Câmara (funciona no mesmo endereço há 30 anos no piso superior da sede da Prefeitura), recebe duodécimo e tem condições de arcar com o aluguel de um prédio para abrigar os vereadores que a partir do dia 19 de maio passam a integrar o movimento dos “Sem Teto”. .

Jonilton Fernandes alega também que o local que abriga a Câmara de Vereadores vai ser instalada algumas secretarias que funcionam em prédio alugado. E ameaça: “Caso o pode legislativo não desocupe o referido imóvel no prazo estipulado, tomaremos as medidas judiciais cabíveis”.

Curta a página do Facebook AQUI ou siga o Twitter AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias.

De acordo com o vereador Cícero Silva, o descontrole do prefeito, reflete no caos administrativo pelo qual a cidade vive.

O parlamentar garante que a medida do gestor, visa apenas calar a voz dos vereadores que vem denunciando a má gestão do prefeito Jonilton. “Essa medida descabida do gestor, visa calar a boca dos vereadores, pensando que não vamos realizar as sessões até encontrarmos um novo local para instalar a Câmara, ele se engana, vamos realizar as sessões nem que seja em praça pública e continuar mostrando as verdades da farsa administrativa em Juazeirinho”, garantiu Cícero.







Cariri Ligado
Foto reprodução Cariri Ligado

Nenhum comentário:

Postar um comentário