quarta-feira, 11 de março de 2015

Protestos do MST termina com dois adultos e uma criança mortas em BR

Carros ficaram carbonizados após explosões (Foto: Denise Gomes/TV Sergipe)

Acidente aconteceu no momento da liberação da via fechada pelo MST.

SAMU confirma atendimento de nove pessoas no local com ferimentos leves.

Dois adultos e uma criança morreram após o engavetamento entre uma carreta e sete carros ter provocado uma explosão na manhã desta quarta-feira (11) no Km 110 da BR-101, perto da cidade de Itaporanga D'Ajuda, a 29 km de Aracaju. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a carreta estava carregada com adubo, que é inflamável. A identidade das vítimas ainda não foi divulgada.

Nesta manhã, o trecho da rodovia onde houve o acidente foi bloqueado por manifestantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). O protesto fez com que os veículos ficassem parados na rodovia. Segundo a PRF, a carreta não conseguiu frear quando se aproximou e atingiu sete veículos. Outros quatro foram empurrados pela colisão.

Fumaça escura é vista a quilômetros de distância (Foto: Kelvin Mateus Santos/VC na TV Sergipe)
 Fumaça escura é vista a quilômetros de distância 

"O acidente aconteceu no momento da liberação da pista, que havia sido fechada por manifestantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) nesta manhã. A PRF não recebeu nenhum comunicado de que a pista seria interditada. A falta da sinalização para os condutores reduzirem a velocidade pode ter provocado esse acidente, uma vez que a carreta não conseguiu desviar dos carros parados", afirma o inspetor Anderson Sales, assessor de comunicação da PRF.

Curta a página do Facebook AQUI ou siga o Twitter AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) confirma que nove pessoas que tiveram ferimentos leves foram atendidas no local. Não há registro de feridos graves. Equipes do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) auxiliaram no controle das chamas e no resgate das vítimas.

De acordo com o Instituto Médico Legal (IML), os três corpos estão carbonizados e sem identificação. E até o início desta tarde nenhum parente das vítimas procurou o IML.

O MST em Sergipe se pronunciou através de nota sobre o acidente ocorrido em Itaporganga - SE.

''Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra em Sergipe vem por meio desta nota declarar a público e aos veículos de comunicação no Estado, que o acidente ocorrido na BR 101, não possui nenhuma vinculação com a manifestação do MST ocorrida das 7hs às 9h45h na ponte da entrada da Fábrica Indaiá, com 400 integrantes do MST.

Sentimos muito o ocorrido e nos solidarizamos com os familiares, mais afirmamos que não fomos responsáveis pelo ocorrido".






G1 SE
Foto: Kelvin Mateus Santos/VC na TV Sergipe

Nenhum comentário:

Postar um comentário