quinta-feira, 12 de março de 2015

Estudante de Campina morre ao bater carro em poste; Ela 'previu' caso no WhatsApp; Veja o vídeo

Uma garrafa de vinho vazia foi achada no carro
“Liiiiipe, pode morrer beba?” (sic), escreveu ela no WhatsApp, trocando “beba” por “bêbada”, pouco antes da ocorrência na capital potiguar.
A estudante de Direito Najla Charara, de 21 anos, natural de Campina Grande - PB, morreu na madrugada desta quinta-feira (12) em um acidente em Natal - RN. Pouco antes da ocorrência, ela conversou com amigos e “previu” a própria morte no WhatsApp.
“Liiiiipe, pode morrer beba?” (sic), escreveu ela no WhatsApp, trocando “beba” por “bêbada”, pouco antes de bater com o carro em um poste no prolongamento da avenida Prudente de Morais, na capital potiguar.
A suspeita é de que a estudante tenha frequentado um bar e consumido bebidas alcoólicas antes do acidente. O carro ficou completamente destruído e nele, a polícia encontrou uma garrafa de vinho vazia. O caso é investigado pela polícia do Rio Grande do Norte.

Curta a página do Facebook AQUI ou siga o Twitter AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias.
A informação de que ela Najla era natural de Campina Grande foi confirmada pelo Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte. O velório foi à tarde e o sepultamento ocorreu no começo da noite desta quinta (12), no cemitério Morada da Paz, em Natal.
Assista à matéria exibida pela TV Tropical, afiliada da Record em Natal. A reportagem é de Roberta Trindade, com imagens de Gilmar Gonçalves e entrevista com o policial cabo Michel do Comando de Policiamento Rodoviário Estadual do Rio Grande do Norte (CPRE).







  
Portal Correio
Foto reprodução TV Tropical

Nenhum comentário:

Postar um comentário