segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Homem reage a assalto, joga caminhão por cima de moto e mata suspeito

Local onde o corpo do suspeito foi encontrado
Caminhoneiro chegou a ser ferido superficialmente com estilhaços de disparo efetuado por um dos suspeitos pela tentativa de assalto; ele permanecia sendo procurado pela polícia após fugir do local

Uma tentativa de assalto terminou com a morte de um dos suspeitos pelo ato, na noite desta segunda-feira (24), na rodovia PB-262, nas proximidades do local conhecido como “curva do nove”, entre os municípios de Patos e São José do Bonfim.

O motorista de um caminhão, ao perceber que seria assaltado por dupla em uma motocicleta, jogou o veículo por cima da mesma, o que resultou na ocorrência fatal. Segundo a Polícia Civil de Patos, como resposta à ação desesperada, um dos homens efetuou um disparo e o caminhoneiro foi atingido com estilhaços do projétil na área da boca.


A polícia informou que o motorista seguia em um caminhão carregado com frango. Ele faria uma entrega em um assentamento chamado Tubarão, quando foi surpreendido pelo anúncio do assalto.

Curta o Facebook do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias. Clique AQUI

Mesmo ferido, ele conseguiu seguir até um posto de combustíveis no bairro Alto da Tubiba, em Patos, onde acionou a Polícia Militar. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionado. Segundo a atendente Suely, do Samu do município, o caminhoneiro sofreu apenas ferimentos superficiais e se recusou a ser conduzido para o Hospital Regional de Patos, pois não poderia abandonar a carga.

Os policiais foram até o local indicado pelo motorista e encontraram apenas um homem, já sem vida. O outro permanecia foragido. A Polícia se encontrava na tentativa de localizá-lo.
Conforme explicou o agente André, da Polícia Civil de Patos, o caminhoneiro deverá ser chamado para prestar esclarecimentos sobre o caso, mas, após ser ouvido, “provavelmente será liberado devido às circunstâncias do momento da ação, que podem caracterizar legítima defesa”.

Agentes do Instituto de Polícia Científica ainda realizavam os trabalhos de perícia e conduziriam o corpo do suspeito pelo assalto para o Instituto Médico Legal de Patos. A identificação do mesmo ainda não havia sido realizada.






Portal Correio
Fotos reprodução Instagram/moficorreio

Nenhum comentário:

Postar um comentário