quarta-feira, 22 de outubro de 2014

'Travesti recebe chamado de Deus e revela': "Ser gay é coisa do inimigo”; Veja o vídeo

 

José Claudemir disse também que após aceitar a Jesus, cortou o cabelo, passou a vestir roupas de homem e recebeu críticas.


Um jovem de 19 anos da cidade de Sousa vem chamando a atenção da imprensa após dar testemunho, testificando que é possível abandonar a vida de travesti e mudar de vida com a ajuda de Deus.

Em entrevista ao portal Diário do Sertão, José Claudemir Silva Caetano, contou como ocorreu transformação de vida, antes conhecido como a travesti “Anny Letícia", mas após receber o chamado de Deus, abandonou o passado e se tornou um novo homem. Ele disse também que já se envolveu em drogas e prostituição. "Aos 12 anos de idade comecei a vida como homossexual", disse ele.

José Claudemir disse que o início de sua conversão ocorreu após participar de um evento gospel realizado no último fim de semana no Sesi em Sousa. Durante o culto evangélico, o jovem ainda estava com vestes de mulher.


Curta o Facebook do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias. Clique AQUI 

“Eu não tinha roupas de homem para ir, e fui vestido de mulher. A mensagem da noite tocou meu coração, e quando o pastor perguntou quem queria aceitar a Jesus, eu levantei a mão e fui ao encontro de Deus”, disse José Claudemir.

Não é doença

Sobre a questão do homossexualismo, José Claudemir falou que ser gay não é uma doença e sim uma influência de amigos, ou apenas uma opção de vida.

Críticas

José Claudemir disse também que após aceitar a Jesus, cortou o cabelo e passou a vestir roupas de homem. “Muitos me criticam, me chamam de louco, debocham, mas tenho Fé em Deus que vai dar tudo certo”, destacou José Claudemir.










Diário do Sertão
Foto reprodução Diário do Sertão

Nenhum comentário:

Postar um comentário