terça-feira, 14 de outubro de 2014

Enfermeiro morre ao bater moto em caminhonete parada em avenida de Campina Grande

Jovem chegou a ser socorrido por médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos

O enfermeiro Raylson Oliveira Freitas, de 25 anos, morreu após bater violentamente em uma caminhonete que estava estacionada na calçada da Avenida Manoel Tavares, no bairro do Alto Branco, em Campina Grande, na tarde desta terça-feira (14).

Segundo informações de pedestres, Raylson estaria em alta velocidade quando perdeu o controle da motocicleta que pilotava, batendo na caminhonete.


Curta o Facebook do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias. Clique AQUI

O jovem chegou a ser socorrido por médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu.

A Polícia Militar em Campina informou que a vítima trabalhava como enfermeiro no Hospital Regional de Sumé, no Cariri do estado e não deu informações sobre o que teria motivado a batida. Porém, testemunhas afirmaram que ele estaria em alta velocidade.












Portal Correio

Foto reprodução internet 

Nenhum comentário:

Postar um comentário