quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Prefeita é afastada do cargo e ex-gestor é denunciado por desvio de dinheiro.

Tribunal de Justiça da Paraíba
Justiça apontou fraudes em boletos bancários que ultrapassam R$ 75 mil.

A prefeita do município de Monte Horebe, Cláudia Aparecida Dias foi afastada do cargo após decisão divulgada pelo Tribunal de Justiça da Paraíba aceitar as denúncias de que ela teria desviado mais de R$ 75 mil do poder público. O ex-gestor da cidade, Erivan Dias Guarita, também foi denunciado pelo mesmo crime.

O desembargador Joás de Brito Pereira Filho explicou que, em 2007, o então prefeito do município, Erivan Dias, e a então secretária de Administração e Fazenda (atual prefeita), Cláudia Dias, adulteraram os próprios contracheques (relativos ao mês de dezembro de 2006), em valores muito acima do que efetivamente recebiam. Os documentos continham carimbo e assinatura do ex-gestor.


Curta o Facebook do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias. Clique AQUI 

Ainda de acordo com a denúncia, os acusados não arcaram pessoalmente com o pagamento das parcelas contratadas. Conforme documentação apresentada pela instituição bancária, as prestações não seriam debitadas em folha, mas por meio de boletos bancários emitidos pelo banco em nome da Prefeitura Municipal de Monte Horebe, que ultrapassaram o valor de R$ 77 mil.

Para o relator, a acusação que pesa contra os dois é “de extrema” gravidade, embora não se possa afirmar que eles cometeram os delitos. “Revelam uma trama absurda, com vistas ao desvio de recursos e considerável prejuízo ao erário”, complementou; justificando assim a necessidade de afastamento da denunciada do cargo, até o julgamento do mérito do processo.



Portal Correio
Foto reprodução Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário