terça-feira, 5 de agosto de 2014

Menino de 9 anos mata irmão de 7 ao brincar com espingarda do pai.

 Arma, segundo a polícia, estava carregada e atrás do guarda roupas (Foto: Fernando Luiz/Comando 190)


Tiro acertou a cabeça da criança que morreu na hora, segundo a polícia.

Uma criança de sete anos morreu vítima de um disparo acidental feito pelo irmão de nove, na zona rural de Ji-Paraná (RO), município distante cerca de 370 quilômetros de Porto Velho, na tarde de segunda-feira (4). Os pais não estavam na residência, localizada em um sítio na Linha 08. A irmã dos meninos, de cinco anos, presenciou toda a tragédia.

Segundo a Polícia Militar, as crianças estavam sozinhas na casa e começaram a brincar com uma espingarda do pai, que estaria carregada atrás do guarda-roupas. Um vizinho ouviu os gritos de desespero das crianças após o disparo e foi até o local para saber o que tinha acontecido. Rogério Lacerda Ferreira levou um tiro na cabeça e morreu no hora.

Curta o Facebook do São Vicente Agora e fique atualizado com as notícias. Clique AQUI  

A mãe das crianças, Silvana Mendes, contou que todos os dias seu esposo a leva para o trabalho na cidade às 6h da manhã, em seguida volta para a casa para trabalhar e cuidar dos filhos. Desta vez, ele precisou ficar pra resolver alguns problemas na zona urbana e as crianças ficaram sozinhas até o início da tarde. Ela afirma que os meninos não tinham acesso à arma, eram sempre orientados e sabiam do perigo.

Silvana não se lembra de ter deixado a espingarda em um local de alcance. "Foi uma fatalidade", lamenta.

A tia do menino Roseleide Ferreira relatou que as crianças eram unidos e sempre estavam juntos. "Eles nunca tinham brincado com a arma antes", afirmou Roseleide.

Rogério Lacerda Ferreira, de 7 anos. (Foto: Silvana Mendes/Arquivo Pessoal)
Rogério Lacerda Ferreira, de 7 anos.




G1 RO
Foto reprodução G1 RO

Nenhum comentário:

Postar um comentário