domingo, 29 de abril de 2012

ADOLESCENTE MATA CUNHADO COM UM TIRO ACIDENTAL DE ESPINGARDA CALIBRE 12 NA PB.



O delegado Iasley Almeida, de plantão na Central de Polícia de Campina Grande, informou neste domingo (dia 29) que um adolescente de 17 anos manuseava a arma do tipo espingarda calibre 12, quando ela disparou e matou um comerciário Isac Faustino de 21 anos, fato ocorrido na zona rural do município, no sábado passado (dia 28), por volta das 16h30 da tarde.

De acordo com informações de testemunhas repassadas à Polícia Militar o tiro foi acidental e a vítima estava praticando tiro ao alvo quando levou o tiro. O delegado já ouviu tomou o depoimento do menor e de parentes dos dois envolvidos, que contaram que o adolescente estava treinando com a espingarda calibre 12 quando o acidente aconteceu.

O delegado disse que o rapaz e o comerciário seriam cunhados e na hora do acidente, vítima estava na varanda da casa esperando a namorada, quando o adolescente chegou com a arma. A bala que atingiu o rosto de Isac Faustino e a arma disparou quando o rapaz foi trocar o cartuchos da espingarda.

"A arma uma única vez e atingiu o rosto do comerciário que morreu na hora. Após o acidente o adolescente fugiu para o mato, mas foi encontrado agentes de investigação e levado para a Central de Polícia. Somente a perícia feita pelo Instituto de Polícia Científica poderá dizer se o tiro realmente foi acidental", explicou Iasley Almeida.

Segundo ele, como se tratou de uma morte violenta mediante disparo de arma de fogo, o menor de idade passou a noite no Lar do Garoto, em Lagoa Seca. Ele será apresentado ainda neste domingo ao plantão do Tribunal de Justiça, que deverá avaliar.


















Marcone Alcântara com informações do Portal Paraíba
Imagem da internet

Nenhum comentário:

Postar um comentário