quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Semiárido paraibano terá chuvas dentro da média; preveem meteorologistas

 Resultado de imagem para Semiárido paraibano terá chuvas
SECOM
Foto ilustrativa da internet


As chuvas para a região do Semiárido paraibano, Alto Sertão, Sertão e Cariri-Curimataú devem ficar dentro da média histórica no período de abril a julho deste ano. A conclusão é da segunda Reunião de Análise e Previsão Climática para o Nordeste, realizada em Parnamirim (RN), segunda-feira (20) e terceira-feira (21), contou com a participação de meteorologistas do Nordeste e com representantes de várias instituições nacionais, a exemplo do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais de São Paulo (Inpe-SP).

A meteorologista Marle Bandeira, representante da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa) no evento, afirmou que uma das condições para as chuvas na região do Semiárido ficarem na média, conforme a previsão, é que não houve alterações significativas nos oceanos Pacífico e Atlântico, sem a influência dos fenômenos El Niño ou La Niña.

O período chuvoso na região do Semiárido da Paraíba vai de abril a julho. A média pluviométrica alcança os 800 mm, podendo chegar a 1000 mm em algumas cidades. Em Cabaceiras, por exemplo, a média é muito aquém: em torno dos 300 mm/ano.

Marle destacou, ainda, que as condições para a ocorrência de chuva estão bem melhores que as do ano passado. “As condições do Oceano Atlântico, que mais influenciam na região do Semiárido, vão proporcionar precipitações dentro da média, porém não de forma homogênea, com variação no tempo e no espaço, com chuvas mais intensas em alguns lugares, por exemplo”, explicou.

Com relação à situação hídrica da Paraíba, com 197 dos 223 municípios em estado de emergência, ainda não é possível afirmar se ocorrerão melhorias na capacidade dos principais açudes do Estado. “Como as chuvas devem ocorrer de forma muito irregular, só teremos uma situação precisa no monitoramento diário, que dirá qual açude recebeu mais recarga”, pontuou Marle Bandeira.

O Encontro – A Segunda Reunião de Análise e Previsão Climática para o norte do Nordeste brasileiro ocorreu em Parnamirim, Rio Grande do Norte. Meteorologistas de todo o Nordeste estiveram presentes ao encontro, assim como representantes das principais instituições climáticas do País, a exemplo do Instituto Nacional de Meteorologia do Distrito Federal (Inmet-DF) e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais de São Paulo (Inpe-SP).

Durante dois dias, foram discutidas as condições climáticas favoráveis ou não para a ocorrência de chuvas no norte do Nordeste. Entre os assuntos abordados, estiveram em pauta:

- Secas históricas e previsão climática para o Nordeste;

- Investigação das possíveis contribuições dos oceanos Pacífico e Atlântico para a estação chuvosa do norte do nordeste do Brasil em 2017;

- Condições Pluviométricas e Hídricas dos Estados da Região Nordeste.



Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768



Continuar lendo...

Apresentadora da RecordTV surpreende ao perder 25kg e fala que assédio masculino aumentou

Fabíola Gadelha perde 25kg e revela que assédio masculino aumentou 
Na Telinha
Fotos reprodução Na Telinha


Apresentadora não faz mais dieta e garante que "sempre se achou gostosa"

Fabíola Gadelha tem deixado os fãs impressionados com a nova silhueta. A apresentadora da RecordTV emagreceu 25kg com uma alimentação saudável e exercícios físicos.

Nas redes sociais, Fabíola divulga fotos mostrando seu corpo mais magro e revelou em entrevista exclusiva ao NaTelinha, que precisou emagrecer quando os quilos a mais passaram a prejudicar sua saúde.

A jornalista revela que fez uma dieta rigorosa para perder os 25kg e que hoje consegue manter uma vída normal e sem exageros.

Pupila de Marcelo Rezende, Fabíola era chamada pelo apresentador de "rabo de arraia" e ele a incentivou a cuidar da saúde. Agora, ela se prepara para o "Dancing Brasil", novo programa de Xuxa Meneghel.
  
Em 2013, Fabíola passou a contribuir com informações e reportagens para o programa Cidade Alerta, da RecordTV! Em 2014, foi convidada pela emissora para apresentar o programa durante as férias de Marcelo Rezende e logo depois foi contrada pela rede.


Confira a entrevista na íntegra:

Você sempre se mostrou bem resolvida com seu  corpo. Por que decidiu mudar agora? Aconteceu algo que influenciou nessa decisão de perder 25kg? Qual foi o estopim?

Fabíola Gadelha - Sempre fui resolvida mesmo. Quanto à estética, nunca me preocupei, minha autoestima sempre foi elevada, mas tudo mudou quando a minha saúde ficou comprometida!! Aí passei a ter consciência de que precisava emagrecer!

Como funciona sua dieta? Qual foi o momento mais difícil de não fugir dela?

Fabíola Gadelha - Não faço mais dieta. Fiz por três meses uma dieta rigorosa para eliminar de cara 25kg e consegui! Esse foi o momento mais difícil. De lá pra cá decidi levar uma vida normal sem exageros, sou acompanhada pela minha Nutróloga e faço atividade física.

Quando você se olhava no espelho antes, qual era a primeira palavra que surgia na sua mente? E hoje qual é?

Fabíola Gadelha - Sinceramente, sempre me achei gostosa (risos). Antes e agora.

Aumentou o assédio masculino?

Fabíola Gadelha - Sim, aumentou!

Você pretende perder mais peso? Tem algum receio de que agora sendo magra possa perder sua identidade na TV?

Fabíola Gadelha - Meu objetivo é eliminar gorduras e ganhar músculo, ficar cada dia mais saudável. Se isso vai me deixar magra ou mais forte não sei! Só quero continuar me sentindo bem.

Chegaram a falar pra mim que eu não deveria emagrecer muito pra não perder a minha identidade. Confesso que não me preocupei, e decidi ter uma vida saudável, até porque eu nunca vou ser magraaaa! Impossível, a minha estrutura é de mulher cheinha! 

O que o Marcelo Rezende achou da sua mudança?

Fabíola Gadelha - Achou ótimo, ele foi o primeiro a perceber e me falar que eu precisava cuidar da minha saúde, sempre me incentivou.



Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768




Continuar lendo...

Depois de atirar contra a esposa homem tenta se matar em CG

 Resultado de imagem para Depois de atirar contra a esposa
Mais PB
Foto ilustrativa da internet


Um homem atirou na própria cabeça após balear a esposa, na tarde desta quarta-feira (22) no bairro da Liberdade, em Campina Grande, no agreste paraibano.

As vítimas foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes em uma ambulância do Samu. A mulher foi atingida no tórax e braço e passa bem. Já o homem está em estado de saúde gravíssimo porque  perdeu massa encefálica.

Ainda não se sabe a motivação da tentativa de assassinato e de suicídio. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídio da Rainha da Borborema.


Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768



Continuar lendo...

Aprovado na Câmara projeto para brasileiros terem documento único

RIC: documento do Registro de Identidade Civil, que substituiu o RG
Exame
Foto reprodução Exame


Projeto vai ser enviado ao Senado e, se aprovado, ainda passará pela sanção do presidente Michel Temer.

São Paulo – A Câmara dos Deputados aprovou ontem um projeto para criar o Documento de Identificação Nacional (DIN), um documento único que reuniria todos os dados dos brasileiros por meio de uma tecnologia de chip. O texto ainda vai ser enviado para o Senado e, se aprovado, passará pela sanção do presidente Michel Temer (PMDB).


O projeto de lei, que tem o número 1775/15, foi enviado ao Congresso pela União. O texto aprovado ontem, contudo, era um substituto feito pelo deputado Julio Lopes (PP-RJ).

De acordo com o projeto, o DIN iria dispensar a apresentação de outros documentos nacionais (como o RG, CPF e título de eleitor). Ele seria emitido pela Justiça Eleitoral ou por delegação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a outros órgãos, podendo inclusive substituir o título de eleitor.

O documento seria impresso pela Casa da Moeda e teria o número do CPF como base para identificação do cidadão. Já os documentos emitidos pelas entidades de classe somente seriam validados se atendessem os requisitos de biometria e de fotografia conforme o padrão utilizado no DIN. As entidades de classe teriam ainda dois anos para adequarem seus documentos aos requisitos exigidos pelo novo documento.

Identificação nacional

O projeto prevê ainda que o documento seja emitido com base na Identificação Civil Nacional (ICN), um cadastro que usaria a base de dados biométricos da Justiça Eleitoral, a base de dados do Sistema Nacional de Informações de Registro Civil (Sirc), da Central Nacional de Informações do Registro Civil (CRC – Nacional), da Justiça Eleitoral, dos institutos de identificação dos estados, do Instituto Nacional de Identificação, entre outros órgãos.

Essa nova base de dados seria armazenada e gerida pelo TSE, que teria de garantir o funcionamento simultâneo entre os sistemas eletrônicos governamentais, ou seja, uma comunicação eficiente sem problemas de compatibilidade.

O TSE garantiria à União, aos estados, ao Distrito Federal, aos municípios e ao poder legislativo o acesso à base de dados da ICN, de forma gratuita, exceto quanto às informações eleitorais. A integração da ICN ocorreria ainda com os registros biométricos das polícias Federal e Civil.

Seria proibida a comercialização, total ou parcial, da base de dados da ICN, com pena de detenção de 2 a 4 anos e multa para quem descumprir essa proibição.

Além disso, o projeto prevê a criação um comitê da ICN, composto por três representantes do Executivo federal, três representantes do TSE, um da Câmara dos Deputados, um do Senado Federal e um do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).


Se o projeto for aprovado no Senado e sancionado por Temer, o comitê teria a atribuição de recomendar os padrões técnicos da ICN e as diretrizes para administração do Fundo da Identificação Civil Nacional (FICN), que custearia o desenvolvimento e a manutenção do cadastro.





Continuar lendo...

Enquanto pilotava motocicleta casal é flagrado praticando sexo; veja o vídeo

Jornal de Brasília
Foto reprodução Jornal de Brasília


Um casal foi flagrado fazendo sexo sobre uma moto em movimento, em uma avenida da cidade de Encarnación, no Paraguai. Os dois estavam seminus e sem capacete. Um motorista de carro, que passava pela região, gravou um vídeo da cena e acabou tornando-se um viral nas redes sociais.

A polícia local ainda não conseguiu identificar os protagonistas do caso. O motociclista pode ser multado em até R$ 1.660. É possível que ele seja preso caso haja a comprovação de que estava sob efeito de alguma substância ilícita.

A cidade de Encarnación é a terceira maior do Paraguai, com 95 mil moradores, e vive basicamente do turismo.





Veja mais notícias no www.saovicenteagora.com.br curta o Facebook AQUI siga o Twitter AQUI o canal do You Tube AQUI do São Vicente Agora e fique atualizado com as principais notícias do dia. Você também pode falar com a redação através do WhatsApp (83) 9 9347 4768




Continuar lendo...